******
Folha de Óbidos no TwitterFolha de Óbidos no Youtube
sem-pelo

Anuncio

DISCOTECA

Enquete

Artigos

ENVIE SEU ARTIGO OU NOTÍCIA
Apenas os usuários cadastrados com e-mail validado podem enviar artigos.
Clique aqui para fazer o cadastro no site Folha de Óbidos. E participe!


:: DÚVIDAS: Veja aqui os Vídeos Tutoriais

Joomla Templates and Joomla Extensions by JoomlaVision.Com



Qua, 28 de Janeiro de 2015 09:03

OS REGATÕES NA AMAZÔNIA

Escrito por Célio Simões
Qualifique este item
(0 votos)
 Uma das personagens que me ficaram na memória de menino nascido e criado no Baixo Amazonas talvez seja a mesma dos moradores de outras cidades ribeirinhas, palcos que foram da atuação dos mascates itinerantes que realizavam um tipo peculiar de comércio em embarcações de grande ou médio porte - os chamados de regatões. Visto no mais das vezes como reles espertalhão, o proprietário (ou “Regatão”) era alguém que tinha posse suficiente para ter um barco a motor, no qual percorria os rios e igarapés da Amazônia trocando alimentos, utensílios e outros gêneros por produtos naturais tirados da floresta, que atingiam alto valor nos mercados das grandes cidades. Fosse à base de venda ou escambo, o resultado era sempre o ganho, em elevado percentual de lucro – em seu favor, é claro – daí o conceito negativo que desfrutavam, pois não faziam negócios para perder. Um caso, para citar apenas um,…
Joomla Templates and Joomla Extensions by JoomlaVision.Com


Ter, 27 de Janeiro de 2015 10:10

O ATRASADOR DE VIAGENS

Escrito por Haroldo Figueira
Qualifique este item
(0 votos)
  O obidense da minha época revelava-se um pândego. Divertia-se em pilheriar com seus conterrâneos ou gente de seu círculo de relacionamentos. Nada, no entanto, que pudesse ser interpretado como deboche ridicularizante ou outro expediente de mau gosto destinado a causar constrangimentos ao outro. Na realidade, tratava-se mais de uma espécie de atividade lúdica, espontânea, na qual o gozador da vez haveria de transformar-se no gozado do futuro, cabendo-lhe, em ambas as situações, comportar-se com esportividade e bom humor. A brincadeira tinha muitas variantes, mas a que parecia agradar mais girava em torno de narrações total ou parcialmente falsas envolvendo a participação de moradores da cidade. Digo parcialmente porque, em essência, o suposto acontecimento poderia até ter algum fundo de verdade, mas era deliberadamente desvirtuado para ajustar-se à narrativa zombeteira do autor. Ao falar do assunto, não há como deixar de fazer remissão a um passado não tão distante, tempo…
Joomla Templates and Joomla Extensions by JoomlaVision.Com


Qua, 21 de Janeiro de 2015 09:16

UMA REFLEXÃO A MAIS

Escrito por Nicias Ribeiro
Qualifique este item
(0 votos)
A primeira quinzena de 2015 se foi. E no seu decorrer veio a público os indicadores econômicos de 2014, que, aliás, não foram nada bons, a começar pelo crescimento da nossa economia que foi praticamente zero. A dívida pública que, em 2002, era de R$ 600 bilhões, graças a União ter absorvido as dividas dos Estados Federados, chegou a mais de R$ 2,3 trilhões, equivalente a 63% do PIB (Produto Interno Bruto), que é tudo que a Nação produz. A inflação oficial foi de 6,48%, portanto acima do centro da meta, que é de 4,5%, fato que, aliás, se repetiu nos quatro anos do Governo Dilma. O superávit primário, que é aquele dinheiro reservado para pagar os juros da dívida pública, previsto na LDO e que deveria ser de 2%, foi de apenas 0,3% do PIB. Os juros do Banco Central chegaram a 11,75%, com reflexos na dívida pública e…
Joomla Templates and Joomla Extensions by JoomlaVision.Com


Seg, 19 de Janeiro de 2015 19:13

HORROR EM PARIS.

Escrito por Nicias Ribeiro
Qualifique este item
(0 votos)
Na quarta-feira passada, 07/01/2015, Paris ficou atônita, com sua população horrorizada ante um ataque terrorista, a um de seus jornais, que culminou com a morte de doze pessoas, entre jornalistas e servidores.            É certo que o mundo sempre viveu em guerras, desde o tempo dos faraós do antigo Egito. No passado, os monarcas guerreavam entre si buscando a conquista de novos territórios. Alexandre, “o Grande”, é um dos grandes exemplos daquele tempo. Mais modernamente, no século XX, os países guerreavam entre, si por razões das mais diversas, como na 1ª e 2ª grandes guerras mundiais, no Vietnam e outras. Mas, eram os países que guerreavam entre si, através dos seus exércitos. Diferentemente dos tempos atuais, quando a arte da guerra é praticada por pessoas, pessoas sem rosto, encapuçadas, que fazem a sua guerra particular, talvez sem nenhum sentido. Que matam pessoas que não tem nada a ver com os seus…
Joomla Templates and Joomla Extensions by JoomlaVision.Com


Qua, 24 de Dezembro de 2014 20:50

O Natal de Cristo

Escrito por Ana Paula Brasil
Qualifique este item
(0 votos)
 Mais um Natal vamos vivenciar, poderíamos celebra-lo todos os dias, fazendo com que Jesus nascesse sempre em nossas vidas, em nossas famílias, no mundo todo. Vamos solenizar esse dia com o coração coberto de paz, amor, luz só assim teremos um mundo melhor onde olharemos um pro outro e diremos: “Irmão, assim como Deus te ama, eu também te amo”. Jesus veio a esse mundo para salvar-nos, libertar-nos dos nossos pecados por isso entregou sua vida por você, por mim, por todos nós. Vamos refletir nesse dia “Qual o verdadeiro sentido do Natal?” Será que são as festas? Os presentes? Qual o verdadeiro sentido pra você?. Hoje, não diferente dos outros dias, vamos dobrar nossos joelhos e agradecer a Deus por ter nos enviado seu tão amado Filho. Vamos analisar nossas vidas e pensar se estamos dando o devido valor a Jesus por tudo o que Ele nos fez. Bom...…
Joomla Templates and Joomla Extensions by JoomlaVision.Com


Sáb, 06 de Dezembro de 2014 13:01

O DESEJADO OBJETO DE CONSUMO

Escrito por Haroldo Figueira
Qualifique este item
(0 votos)
Naqueles idos da década de 1950, beber uma Coca-Cola constituía-se no desejo mais imediato dos dois meninos obidenses. Alimentavam, obviamente, outros sonhos de consumo mais ambiciosos, dentre os quais o de adquirir uma bicicleta. Mas este se revelava de remota concretização em um tempo em que as famílias eram numerosas, as rendas modestas e o facilitário de aquisição praticamente inexistente. A atração pela bebida americana, cujo nível de popularidade no mundo inteiro mantém-se em alta há mais de meio século, vinha mais da curiosidade do novo do que do apelo publicitário que, embora sem o poder persuasivo que possui atualmente, sempre a acompanhou. É que à época não havia tanta tecnologia, sequer aparelhos de televisão. O principal meio de comunicação em atividade, o rádio, quase não a mencionava em suas chamadas comerciais. Propaganda mais elaborada, mesmo, só quando se folheava a revista “O Cruzeiro”, de circulação irregular na praça, acessível…
Joomla Templates and Joomla Extensions by JoomlaVision.Com


Qui, 23 de Outubro de 2014 21:43

A CAMPANHA POLÍTICA

Escrito por Haroldo Figueira
Qualifique este item
(0 votos)
É tempo de eleições. Festa maior da cidadania e da democracia, o evento mobiliza os cidadãos para a escolha dos futuros governantes do país. É também o momento em que as preferências eleitorais se dividem entre este ou aquele político e, no afã de desejar que o candidato de sua predileção saia vitorioso, o eleitor apaixonado não mede esforços para, de um lado, enaltecer as autênticas ou presumíveis virtudes do nome que apoia e, de outro, desqualificar o oponente por conta da posse de defeitos reais ou imaginários. O processo eletivo em andamento caminha para a reta final. Que vença o melhor para o Brasil. Quem quer seja o eleito deve estar ciente de que não encontrará parada fácil pela frente. Há muito por fazer, ainda, tanto no campo do desenvolvimento econômico, quanto no da inclusão social e da melhoria dos serviços públicos. Além do mais, vai precisar de habilidade…
Joomla Templates and Joomla Extensions by JoomlaVision.Com


Qui, 09 de Outubro de 2014 17:26

É CÍRIO DE NAZARÉ!

Escrito por Aristides Dias
Qualifique este item
(1 vote)
  A Fé em Nazaré se renova a cada ano. São milhares de fiéis que vivem momentos novos e histórias novas para contar com experiências vividas com a padroeira dos paraenses. Outro dia conversando com um amigo que se dizia ateu, ele me revelou ser devoto de Nossa Senhora do Ó, padroeira de Mosqueiro. Para tal mudança, ele me disse que num certo círio da ilha, ele bebia umas cervejas na frente de sua casa, que fica na 16 de novembro, quando o cortejo da santa parou bem em frente e ele foi acometido de uma forte emoção com a presença da imagem. O que sentiu ele jamais esqueceu. A partir de então ele se tornou devoto de Nossa Senhora do Ó e sua residência hoje é parada obrigatória da santa, sem contar que ela vai em seu carro durante o percurso. Não se trata de ateísmo, mas de momentos…
Joomla Templates and Joomla Extensions by JoomlaVision.Com


Qua, 08 de Outubro de 2014 13:14

A CRUZ À BEIRA DO CAMINHO

Escrito por Haroldo Figueira
Qualifique este item
(0 votos)
Na minha modesta opinião, nada gratifica mais, dignifica mais, dá mais sentido à vida do ser humano do que amar e ser amado. O egoísmo apequena, isola, amesquinha, desumaniza. Já a doação de si engrandece, agrega, preenche, acolhe, promove a paz e a solidariedade. O amor verdadeiro deixa raízes difíceis de serem arrancadas, até porque entranhadas na alma. Embora, por definição, o ato de amar pressuponha via de mão dupla, a premissa nem sempre se confirma na vida real. Há quem ame e seja correspondido e quem o faça e receba em troca apenas indiferença ou ingratidão. Caprichos da sorte à parte, contudo, algum mérito pessoal deve ter possuído quem foi amado com profundidade, a ponto de não ser facilmente esquecido mesmo depois de morto. Vez por outra me ponho a refletir sobre isso. E um dos momentos em que o assunto aflora em meu pensamento acontece quando, no percurso…
Joomla Templates and Joomla Extensions by JoomlaVision.Com


Sex, 12 de Setembro de 2014 09:34

No reino da amizade

Escrito por Ademir Ramos
Qualifique este item
(0 votos)
NO REINO DA AMIZADE VIVEMOS PARA SEMPRE NO DÉCIMO TROFÉU INDIO PAUXI, NO SÁBADO, 13 DE SETEMBRO DE 2014, A PARTIR DAS 22H, NO FAZENDÁRIO CLUBE, EM MANAUS, A COMUNA DO PARÁ ESTARÁ REUNIDA PARA HOMENAGEAR OS FILHOS DE ÓBIDOS. NA OPORTUNIDADE, OS PARAENSES QUE VIVEM E MORAM NA CAPITAL DO AMAZONAS ESTARÃO LEMBRANDO-SE DOS AMIGOS, EM PARTICULAR, DO DR. FERNANDO MOURA, QUE FOI COVARDEMENTE ASSASSINADO PROVOCANDO EM TODOS TAMANHA INDIGNAÇÃO. No vasto mundo as pessoas vivem e celebram atos difusos de alegria e tristeza; de pertença e separação mediadas por relações que expressam laços fraternos construídos em situação de interesse mútuo, articulado por uma força invisível que, gratuitamente apegam-se ao outro de forma dialógica e transparente, atiçando sentimentos vivenciados no Reino da Amizade. Neste Reino, as pessoas tem história e se desenvolvem amparados nesses sentimentos formadores de personalidade capazes de imprimir marcas identitárias manifestas no modo de agir, pensar…
Joomla Templates and Joomla Extensions by JoomlaVision.Com
<< Início < Anterior 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 Próximo > Fim >>
Página 8 de 21

Últimos Comentários

top